Diagnóstico

Radioterapia IMRT e braquiterapia: alta tecnologia no tratamento de câncer

Comentários (1)
  1. Patricia disse:

    Eu fiz radio e braqui com IMRT e PET no Sirio para um tumor avançado de colo de utero e posso dizer q a reportagem não mostra os 2 lados do tratamento. Por um lado, sim ele é moderno, bem melhor q os antigos, mas não elimina o risco de danos nos tecidos próximos ao tumor. Os efeitos da Radio são severos. Eu fiquei com lesões irreversiveis no reto e na bexiga. Plexopatia Lombo Sacral por danos aos nervos da coluna. O meu ureter se rompeu devido uma fistula ( esgarçamento do tecido) e até hoje, passado 1 ano do tratamento corro o risco de fazer uma colostomia devido as lesoes actinicas. Cada paciente é um caso, mas de todas as pessoas que eu conheci nos meus meses de hospital, a grande maioria ficaram com lesoes. Mas como diz o médico, para quem tinha grande chance de morrer pelo tumor, está valendo tudo !

Deixe o seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Preencha os campos obrigatórios marcados com *

Apoio
Total