Share Button

maravilhinha

Beatriz Trivelato, de Barretos, SP, comemorou esse ano seu aniversário de 9 anos de um jeito pouco tradicional. Ela abriu mão dos seus presentes e pediu que as pessoas ajudassem a arrecadar leite para que fosse doado para uma instituição de tratamento do câncer. O motivo é simples, durante o tratamento contra o câncer ela amava tomar o leite quentinho que recebia no hospital.

família

A pequena mulher maravilha foi diagnosticada em 2012, aos 4 anos, com 3 linfomas do tipo Burkitt no abdômen, um tipo raro e agressivo de câncer. O diagnóstico aconteceu numa consultada de rotina e foi precoce, aproximadamente apenas 20 dias depois do câncer instalado. A menina passou pela quimioterapia e todo tratamento no Hospital do Câncer da cidade de Barretos.

tratamento

A batalha durou três meses e ela foi uma vencedora. Bia, como ela gosta de ser chamada, já anuncia sua vontade de ser médica para poder ajudar outras crianças, e até lá busca fazer tudo o que pode. Em 2016 ela doou seus cabelos para o projeto Fios da Esperança, que produz perucas para os pacientes de Barretos. Agora, em 2017, ela fez a arrecadação de leite em seu aniversário.

fios de esperanca

“Quando eu tinha câncer faziam leite para mim no hospital e eu gostava muito de beber leite. Então eu resolvi doar o leite para as outras crianças que ainda estão lá”, diz a menina para entrevista ao G1. A mãe da menina conta que ela sempre foi muito forte e iluminada e também elogia os gestos de generosidade da menina.

“No mundo hoje é tão difícil encontrar pessoas que ajudam o próximo, e a gente conseguir plantar uma sementinha do bem nela é um orgulho. Eu espero que ela continue assim, que cresça e possa ajudar os outros”, diz Cíntia, a mãe.