Categorias
Câncer de estômago

Câncer que matou Mr. Catra é o terceiro que mais atinge homens no Brasil

O câncer de estômago, responsável pela morte do cantor e compositor Wagner Domingues Costa, o Mr. Catra, está na lista de maior incidência no Brasil. Segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), cerca de 65% dos pacientes diagnosticados têm mais de 50 anos.

O cantor descobriu o câncer no início de 2017, quando cortou o consumo de bebidas alcoólicas para iniciar as sessões de quimioterapia. Catra faleceu no último domingo (09), no Hospital do Coração (HCor), em São Paulo. Ele deixou três esposas e 32 filhos.

Também conhecido como câncer gástrico, o câncer de estômago não tem um sintoma específico. Porém, sinais como perda de peso e de apetite, fadiga, vômitos ou desconforto abdominal persistente podem indicar uma doença benigna (úlcera, gastrite, etc) ou mesmo um tumor no estômago. Por isso, é fundamental a investigação com ajuda de exames de imagem. Já o surgimento de uma massa palpável na parte superior do abdômen pode indicar o estágio avançado da doença.

Sangramentos gástricos são incomuns em lesões malignas, no entanto, em cerca de 15% dos casos ocorrem vômitos com sangue. Uma alimentação pobre em carnes e peixes e nas vitaminas A e C, o alto consumo de alimentos defumados, enlatados, com corantes ou conservados em sal são fatores de risco para esse tipo de câncer.

Evitar o cigarro e a ingestão de bebidas alcoólicas ajuda na prevenção do câncer de estômago. Ter uma alimentação saudável, com vegetais crus, frutas cítricas e alimentos ricos em fibras também é fundamental. Além disso, as vitaminas C e A agem como protetoras, pois evitam que os nitritos (conservantes de alimentos industrializados) se transformem em nitrosaminas (compostos químicos que podem surgir em alimentos, sendo alguns cancerígenos).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *